Documentário sobre Edgar Allan Poe estreia no Halloween

Nesse Halloween teremos um documentário sobre o ícone da literatura Edgar Allan Poe, que combinará cenas de dramatização de sua vida com a leitura de seus contos góticos. Como se sabe, Poe morreu em 1849 sob circunstâncias misteriosas e as causas da morte continuam desconhecidas até hoje. Mas o foco não será sobre isso, e sim no motivo dele permanecer um escritor tão célebre e popular na história da literatura ocidental durante todos esses séculos – e também um dos mais incompreendidos.

De acordo com a sinopse oficial, o documentário “explorará as falsas interpretações acerca de Poe e revelará como ele abordou o que significa ‘ser humano’ em um mundo moderno e às vezes assustador”.

O diretor por trás desse projeto é o Eric Strange, que já trabalhou no departamento artístico de vários grandes filmes, como Batman, Stardust, Troia, O Lobisomem e outros tantos igualmente espetaculares, então podemos esperar algo de muito bom gosto nesse novo trabalho.

Contaremos também com a interpretação do ator Denis O’Hare (ganhador de um prêmio Tony e indicado ao Emmy), que encarnará toda a escuridão do escritor. A narração fica por conta da atriz Kathleen Turner, e algumas leituras são feitas por Chris Sarandon (o Jack Esqueleto, de O Estranho Mundo de Jack)Ben Schnetzer.

O documentário, que se chamará Edgar Allan Poe: Buried Alive, estreará no dia 30 de Outubro no canal PBS americano e estará disponível para stream e download no site oficial já no dia 31.

Já estou ansiosa por esse Halloween!

Anúncios

Most Girls…

Algumas garotas se sentem melhor em seus vestidos curtos
Algumas garotas usam apenas calça de moletom, parecendo princesas
Algumas garotas beijam novas bocas todas as noites
Elas ficam até tarde porque estão comemorando a vida

Em alguns dias você se sente tão bem em sua própria pele
Mas está tudo bem se quiser mudar o corpo que veio com você
Porque você fica melhor ainda quando se sente uma rainha
Todas estamos jogando de uma maneira tentando ganhar a vida

A maioria das garotas são inteligentes, fortes e lindas
A maioria das garotas trabalha duro, vão longe. Somos imparáveis!
A maioria das garotas na nossa luta para vencer todos os dias
Nunca são iguais

Eu quero ser
Quero ser como a maioria das garotas
Eu quero ser

Algumas garotas preferem guardar seu corpo
Algumas garotas usam jeans super justos porque parece tão certo
Algumas garotas, procuram todos os dias, mantendo as engrenagens girando
Dormindo tarde porque estão comemorando a vida

Em alguns dias você sente tão bem em sua própria pele
Mas está tudo bem se quiser mudar o corpo que veio com você
Porque você fica melhor quando se sente uma rainha
Todas estamos jogando de uma maneira tentando ganhar a vida

Eu quero ser
Quero ser como a maioria das garotas
Eu quero ser

ASSISTA O VÍDEO NOVO DA HAILEE STEINFELD: AQUI

Vídeo novo da Britney Spears – Slumber Party

britney-spears-and-tinashe-slumber-party-blog-got-sin

Finalmente a Britney Spears trouxe um vídeo bem digno ao seu estilo para o público novamente. Ela lançou hoje o clipe de Slumber Party, o seu novo single, com a participação especial da Tinashe – que virou mera figurante, vale dizer.

O clipe me lembrou muito os antigos dela, como Boys e My Prerogative, trazendo uma boa nostalgia para os fãs. Nas cenas podemos ver a Britney chegando em uma mansão para participar de uma “festinha do pijama” um tanto quanto apimentada. Adorei mais ainda por saber que foi inspirado no filme do Stanley Kubrick, De Olhos Bem Fechados! O diretor escolhido foi o Colin Tilley, famoso por dezenas de vídeos pop por aí – Anaconda, da Nicki Minaj e M.I.L.F., da Fergie.

britney-spears-slumber-party-blog-got-sin-15

A minha cena favorita é a dela engatinhando sobre uma mesa e bebendo leite derramado – adoro imagens com mensagem subliminar que vão muito além do que aparentam e te fazem pensar -, mas também gostei de quando ela entra na festa, onde há uma troca de takes que mostra o contraste entre o fogo e bolhas de sabão. 🔥💦

britney-spears-slumber-party-blog-got-sin-03

A Britney está linda, confiante, pareceu se divertir bastante durante as gravações e isso me deixa muito feliz. Os looks então… Nem sei qual escolher, já que todos estão fantásticos! Quero mais vídeos assim para o Glory, um dos melhores álbuns já lançados. Mas me incomodou um pouco a Tinashe servindo de eye candy e sex toy, pois parece que ela está ali forçadamente para que a gravadora a promova nas custas da Britney, já que sua participação é bem desnecessária – e olha que eu curto a carreira solo dela. Também teve a presença do ator Sam Asghari, que fez o papel de “dono da festa”, tirando um pouco o poder da Britney, né? Ele é gatinho, mas quem é a dona da p* toda é ela! Desculpa aí.

Continuarei sonhando com ao menos o clipe de Change Your Mind (No Seas Cortés), já que Better – minha favorita – não tem grandes chances de ser incluída na filmografia da Britney. Apesar de os boatos afirmarem que o próximo single será Liar. Em todos os casos, já estamos com o nosso colete à prova de balas esperando pelos próximos tiros que virão! ❤

A volta triunfal da Britney Spears no VMA 2016

Britney Spears - VMA 2016 - blog got sin 00

Ontem foi um marco histórico para os fãs de verdade da Britney Spears. Depois de 9 anos afastada dos palcos do VMA, o seu retorno triunfante aconteceu de maneira espetacular. A simples aparição da princesa do pop já foi por si só um fato icônico, mas ela queria mesmo destruir todas as chances dos haters criticarem ela e, portanto, deu o seu melhor ali.

Britney Spears - VMA 2016 - blog got sin 08

Ela já chegou na premiação arrasando, com um vestido preto minimalista cheio de recortes assimétricos do designer Julien Macdonald e um scarpin clássico preto do Christian Louboutin. Uma combinação perfeita e certeira, exatamente do jeito que eu amo.

Britney Spears - VMA 2016 - blog got sin 07

Logo ao entrar, trocou seu look por outra combinação minimalista impecável – um vestido branco super sexy e um scarpin com pedrarias, digno de fazer a Cinderela chorar de inveja. Assim ela assistiu aos shows que antecederam o seu – vibrando muito pela Rihanna na plateia!

Depois subiu ao palco e mostrou para que veio: DESTRUIR os boatos de que ela estava na pior! Mostrou que ainda merece usar a coroa de princesa do pop, com uma apresentação bem energética e simples com seu novo single, Make Me. Linda, perfeita, dançando com muita garra e vontade, sexy, provocante e ainda mais humilde do que nunca, pois deu até uma chance para homenagear o G-Eazy, fazendo um mashup com a música dele Me, Myself and I. Que, aliás,  a letra TEM TUDO A VER com a pessoa Britney Spears – e com as pessoas ansiosas que cansam de agradar as pessoas ao redor e concentram-se apenas em suas carreiras.

“Yeah, and I don’t like talking to strangers
So get the fuck off me I’m anxious
I’m tryna be cool but I may just go ape shit
Say “fuck y’all” to all of y’all faces
It changes though now that I’m famous
Everyone knows how this lifestyle is dangerous
But I love it the rush is amazing
Celebrate nightly and everyone rages
I found how to cope with my anger
I’m swimming in money”

Ela usou um body e botas otk na cor amarelo neon cobertos de pedraria, mostrando o seu corpão maravilhoso. A cor lembrou a cobra Banana, com quem ela dividiu o palco em 2001, né?

Britney Spears - VMA 2016 - blog got sin 65

A apresentação não teve nada de inovador, como costumava ser (mas isso não é um defeito, já que ela chegou ao topo e não teria mais para onde subir),  e foi bem curtinha, mas o importante é que essa é a ponta do iceberg de um futuro promissor que nos aguarda. A era Glory não poderia ter outro nome, pois é exatamente isso que estamos recebendo: um álbum recheado de músicas boas, uma Britney feliz e superada, bastante divulgação, a personalidade e presença de palco estão quase 100% e uma espontaneidade que até consegue enganar o quão tímida ela é. No meu ver, está tudo voltando ao normal! Por isso defenderei ela de todas as críticas vazias que andam sendo feitas por aí. Em breve farei um textão post explicando pq devemos deixar a Britney em paz, pois já está chato exigirem a perfeição dela sempre! Por que só com ela? Qual o motivo dela sempre dividir opiniões e sempre receber hate das pessoas? Por que ela vive numa lupa milimétrica onde cada célula/passo são analisados constantemente? Se você tem empatia, acredita no feminismo e, principalmente, é fã dela, concordará comigo. Aguarde o próximo capítulo! hehe

Britney Spears - VMA 2016 - blog got sin 62

Só sei que ontem eu dormi muito feliz depois de ver essa apresentação incrível!

Vídeo novo da Britney Spears – Make Me

Britney Spears Make Me Video blog got sin

Depois de muito tempo esperando, finalmente a Britney Spears lançou o vídeo da música Make Me. O clipe está sendo bem polêmico para os fãs, já que todos esperavam uma versão bem mais sensual, como mostrava algumas cenas que vazaram. Até o diretor não foi mais o mesmo, mudou do David LaChapelle para a Rendee st.Nicholas! Que diferença e que choque.

Essa versão não é tão ruim, tá bem girl power, politicamente correto, algo bem condizente com a personalidade da Britney (mãe de 2 filhos, não a cantora). Porém, eu esperava muito mais – coreografia, conceito, algo bem sexy. Tô tão confusa agora, nem sei direito o que pensar. Se eu gostei dessa versão feminina de As Long As You Love Me (dos Backstreet Boys)? Sim, até curti, mas não para um carro chefe de uma nova era. Apesar de o começo dele ser bem cringeworthy e tirando o fato de que parece muito mais um comercial do que um clipe musical, ficou bem feminino e fofinho, com imagens lindas, a Britney tá maravilhosa – AMEI o figurino com chapéu e blusa de estrelinhas ♥ – MAS… não tem nada a ver com a Britney Spears (cantora lendária e ícone do pop).

Havia boatos de que ela tinha achado o outro vídeo muito promíscuo, se sentiu como um objeto e por isso refilmou tudo de última hora. Eu não acreditava que isso fosse possível, afinal, LaChapelle é um ícone também. Não seria plausível gastar milhões na produção de um clipe para depois fazer outro às pressas. Mas no mundo da Britney tudo é possível! Já aconteceu isso com Gimme More, Work Bitch, Perfume… Então, como fã, estou acostumada com isso. Ela ou (a gravadora dela) sempre se arrepende das coisas muito sexy e polêmicas depois de gravadas. Para o vídeo de hoje, acredito que ela tenha se sentido muito objetificada, visto essas cenas BEEEEEM promíscuas que vazaram do clipe anterior:

Inclusive o conceito anterior combina com a pegadinha que a Britney e os dançarinos fizeram com o Jimmy Kimmel essa semana:

Não acho que faz sentido lançar essa versão soft depois de todas aquelas outras cenas já terem sido vistas pelo público, pois o “estrago” para a imagem da Britney já estaria feito. Então fico decepcionada e triste por começarmos uma nova era com o pé esquerdo, já causando tanta discórdia na fanbase.

O que mais me incomoda nessa versão é as conversas no meio do vídeoninguém vai colocar no repeat, assim como aconteceu com Pretty Girls, o foco foi bem mais nas dançarinas e modelos do que na Britney, a falta de coerência das cenas “quero ser sexy, depois não quero mais ser sexy” – é uma audiência para encontrar um ator de soft porn?, e, por último,  o desperdício de uma música tão maravilhosa quanto essa!

Alguns fãs acreditam que essa é apenas a versão feminina do vídeo, como se fosse uma parte 1. Mas, conhecendo o passado dos lançamentos decepcionantes da carreira dela, não consigo ter esperança para isso. Acredito que ela e o David LaChapelle se desintenderam – ele é super estrelinha e grosso, vale mencionar -, por isso abandonaram o primeiro conceito.

Eu estava preparada para um vídeo icônico em que houvesse várias mudanças de cena, com ela dançando e aparecendo de diversas maneiras. Ia ser tãoooo mais legal! Então, essa versão para meninas de 13 anos foi como um tapa de luva. Na minha opinião, ganharia 3 estrelas de 5, pq não é de todo ruim, mas não é para isso que sou fã da Britney. Deixa essas melosidades infantiloides para a Taylor Swift!

R.I.P. Britney empoderante para as mulheres sexy!
R.I.P. Britney que tinha os melhores clipes do mundo pop.
Vamos ter mais “girl power” água com açúcar e velaZZZ de baunilha.
ZZZZZZZZ

Eu quero começar uma revolução!

madonna rebel heart tour revolucao do amor blog got sin

Eu sou uma mulher
Eu sou loira
Eu tenho peitos e bunda
E um desejo insaciável de chamar atenção

Vem aqui baby, me mostre a sua bunda
Mexe pra gente, baby
Faça aquela dança que você faz tão bem pra gente, baby

Ok, mas eu ainda quero começar uma revolução
Alguém precisa fazer isso.

Há tanta beleza no mundo sendo desperdiçada
Tanto talento que não é notado
Tanta criatividade sendo esmagada pelas rodas das grandes empresas
Mas está na hora de acordar!

Eu olhei nos olhos das pessoas e vi falta de amparo
Eu vi falta de esperança
Eu vi seres humanos procurando por uma saída
Pois, quando os homens daqueles ditadores fascistas
Vierem atrás de você com suas grandes botas de couro
Pra te calar e colocar uma mordaça em sua boca
Você deve estar preparado para lutar por aquilo em que acredita!
É melhor você se preparar para morrer pelo que acredita.

Eu quero começar uma revolução!
Vocês estão do meu lado?

.

Esse backdrop é usado na abertura da turnê Rebel Heart da Madonna, e o texto maravilhoso faz parte do seu manifesto, Secret Project, lançado em 2013 para alertar as pessoas sobre a perda da liberdade de expressão, a intolerância, a complacência, ajudar a combater a opressão e para lutarem pelo que acreditam.

O vídeo mostra ela como uma artista que é constantemente agredida e mal interpretada, onde tentam usar a sua arma de empoderamento (a voz feminina e a liberdade do corpo da mulher) contra ela mesma, tentando a objetificar. No meio de tudo isso, tem a participação do Mike Tyson, dando alusão a luta contra os julgamentos. Ela mostra também que começou a sua carreira como mero símbolo sexual, vestida de Marilyn Monroe, mas que também é uma guerreira como a Joana d’Arc e vai lutar até o fim pelo o que acredita, começando uma revolução.

Dá para ser mais perfeita do que isso? Me representa totalmente! Uma das poucas artistas pop da atualidade que metem o dedo na ferida e usam sua fama, poder e status para fazer seus fãs pensarem, buscando autenticidade e seus direitos acima de tudo. Impossível não assistir essas reflexões (que ela transforma em vídeos de cair o queixo) e não se sentir empoderado. Rainha que compartilha a coroa com os fãs.

 

 

Uma Netflix só com filmes sobre Moda

Netflix da Moda M2M Made to Measure fashion videos blog got sin 08

Já imaginou que incrível seria reunir vários filmes, documentários, desfiles e entrevistas sobre o mundo da moda em um só lugar? Agora é possível, graças ao Made to Measure!

O M2M é uma nova rede de vídeos de moda que funciona como a Netflix, só que focado em um único segmento. Foi criado para compartilhar tudo sobre o mundo da moda – do passado, presente e futuro – através de histórias relevantes para a cultura. Tem vários vídeos sobre clássicos da moda, pessoas importantes e ícones da indústria, tudo apresentado de uma maneira simples, educativa e original.

Netflix da Moda M2M Made to Measure fashion videos blog got sin 10

Antes era um canal digital disponível apenas na Apple TV, mas agora o conteúdo também pode ser acessado diretamente pelo site e assistido via streaming, ou então através dos aplicativos para iPhone e Android. O idioma é inglês e não possui legenda em português.