A coleção baratíssima da Victoria Beckham x Target

Geralmente quando os designers fazem coleções em parceria com fast fashions, podemos esperar preços altos para o consumidor e baixos apenas para os já clientes da grife, mas dessa vez ambas as partes foram beneficiadas. Como fã da Victoria Beckham, fico feliz de ver que ela emprestou seu nome para uma coleção bonita e muito barata, vendida pela Target – uma marca de supermercado americana.

Como o estilo é minimalista e os materiais são de baixo custo, nada mais óbvio do que não cobrar muito por isso. Uma coisa é comprar um vestido de seda, outra bem diferente é comprar um de poliéster! (Aprendam com isso, C&A, Renner, Riachuelo e etc!) O mais importante é que a designer não precisou abrir mão do bom gosto para isso, a maioria das peças são bem elegantes e fáceis de cativar qualquer fashionista. Tem até peças para mães e filhas combinando!

São mais de 200 peças com o valor entre 6 dólares até 70 dólares, mas a maioria não passa de 40 dólares!

Pela primeira vez poderemos comprar todas as peças de uma coleção de parceria com designer em tamanho plus size, inclusive as infantis! Os tamanhos abrangem dos recém-nascidos até o plus-size feminino.

Todas as lojas Target nos EUA estão vendendo as peças a partir de hoje (9 de abril). Já nós, brasileiros, podemos comprar tudo online com o imposto de importação já calculado no chekout e frete barato. O site é seguro e confiável.

Ainda tem um cupom amigo para compras internacionais! Insira o código INTLSHIP no final da compra e ganhe 20 dólares de desconto nas compras acima de 100 dólares.

Já dá para aproveitar e garantir um presente para o Dia das Mães que está logo aí, né?

Anúncios

The 80’s are back!

Depois de alguns anos com o minimalismo em voga, a moda resolveu atualizar e jogar com o movimento oposto, trazendo os anos 80 de volta! Para o pesadelo das instagrammers que seguem aquele estilo sereno de “feijão com arroz”, as cores e formas prometem chegar chegando nas próximas estações.

A tendência 80’s já aparece nas maiores capas de revista de moda, bem como nas passarelas dos mais renomados estilistas (tô louca pela bota Saint Laurent do inverno 2017!) e vêm ganhando força para desbancar o básico dos anos 90. Maquiagem nude? Esquece! As cores vibrantes aparecem nos lábios, bochechas e olhos… tudo junto e misturado. Os volumes vão das roupas até os cabelos!

Já quero ver como as ruas irão moldar e atenuar/encarar tudo isso para o cotidiano.
Será que rola esse comeback assim como foi o grunge 90’s?

Um salve para o BREGA!