O terno rosa do Colman Domingo no Oscar 2021

Pela primeira vez na vida o meu look favorito em um red carpet foi masculino! Quem diria que evoluiríamos tanto na moda assim em tão pouco tempo? Há alguns anos isso jamais seria possível, pois para um homem estar “bem vestido” precisava seguir o padrão de terno preto (sem graça demais). Até que enfim os homens começaram a brincar com a moda também, aproveitando tudo o que ela pode proporcionar.

O ator Colman Domingo (de Euphoria) estava lá para apoiar as indicações do filme que participou, “A Voz Suprema do Blues“, mas o look todo rosa roubou a atenção. Vestindo um terno em um tom bem vibrante de rosa, bordado com 4500 cristais de Swarovski, que levou mais de 150 horas para ser finalizado, só podia ser perfeito! E, é claro, só podia ser Atelier Versace, a marca dona dos looks mais icônicos! Colman também usou sapatos de vinil preto (tendência!) e acessórios dourados, mostrando que o minimalismo pode ter muita graça também.

Confesso que eu roubaria facilmente esse look completo do guarda-roupa do meu namorado, pois tem tudo o que mais amo!

Adaptive – a linha de roupas para deficientes físicos da Tommy Hilfiger

A Tommy Hilfiger revelou esta semana sua nova linha de roupas Adaptive, que tem como objetivo tornar a hora de se vestir uma tarefa mais fácil para pessoas com deficiências.

Em 2016, a Tommy Hilfiger fez uma parceria com a Runway of Dreams, uma organização sem fins lucrativos focada em “promover a comunidade com capacidades diferentes na indústria da moda”, e juntos criaram sua primeira linha de roupas adaptáveis. Desde então, a empresa tem trabalhado arduamente em seus projetos para tornar sua roupa mais inclusiva possível.

A nova campanha publicitária mostra grandes nomes na comunidade de deficientes, como o medalhista de ouro paralímpico Jeremy Campbell, a dançarina Chelsie Hill, a blogueira e palestrante motivacional Mama Cax e o chef Jeremiah Josey.

Resultado de imagem para jeremiah josey tommy hilfiger

A linha de roupas apresenta soluções de design inclusivas, como botões magnéticos nas camisas e até nas barras das calças, facilitando o uso com próteses.

Há também fechos de velcro, que substituem zíperes e botões tradicionais.

A coleção inclui até golas fáceis de abrir, projetadas para fazer com que as roupas deslizem e saiam de uma maneira bem menos complicada.

De acordo com um comunicado de imprensa, a missão da linha adaptável Tommy Hilfiger é:

” ser inclusiva e capacitar pessoas de todas as habilidades para se expressarem através da moda”.

A coleção é linda e espero que em breve outras marcas sigam o exemplo, lançando suas próprias linhas de vestuário inclusivo. Principalmente as fasts fashions, né?

Resultado de imagem para jeremiah josey tommy hilfiger