As exploradoras do início do século XX da Balmain

balmain desfile primavera verão 2016 safari blog moda tendencia got sin

Certeza que vocês já devem ter enjoado de ler sobre a Balmain por aqui. Eu até tento focar em outras marcas, outros desfiles, mas as criações do Olivier Rousteing sempre me contagiam. Fico encantada com tudo.

Dessa vez não foi diferente. Ele se inspirou nos grandes exploradores do início do século XX, não apenas nos aspectos estéticos, mas também na mentalidade moderna por trás da busca de novas descobertas e aventuras. Eles não buscavam glórias e conquistas, queriam conhecimento e novas experiências. Durante suas jornadas épicas, esses homens acabavam absorvendo aspectos culturais de todos os lugares que passavam e acabavam adaptando isso aos seus guarda-roupas. Camurça, algodão e couro refletem os tons neutros do deserto. Junto disso, foi adicionado o estilo moderno da geração atual com os trançados de crochê, mas de uma forma étnica. Resumindo, é uma coleção poética!

Tem também a versão masculina do desfile, que comentarei em outro post. Por hora, deixo vocês com os meus favoritos do desfile feminino de primavera/verão 2016.

balmain-desfile-primavera-verão-2016-safari-blog-moda-tendencia-got-sin-favoritos-sininhu-sylvia-santini

Minivestido com manga longa = ♥
Amarrações cruzadas com cara rústica ou sadô = ♥ tb
Tons terrosos = ♥

A Balmain arrasou novamente!

 

Anúncios

Iguatemi Serra Fashion – dia 3 – entrevista com Daniel Bueno

No terceiro dia do Iguatemi Serra Fashion teve mais três desfiles: Made Here (não consegui assistir), Nina Morena e Evidénce.

O desfile da Nina Morena, teve a presença do Daniel Buenomodelo e ganhador da terceira edição do programa A Fazenda. A coleção foi dividida em 3 etapas: Pop destaque para peças com volumes, pregas, dobraduras, cores vibrantes e contrastantes, detalhes que evidenciam o quadril, metais e aplicações; Militar  – casacos de abotuadura dupla, aplique de botons, brazões, lapelas decorativas nos ombros, bolsos com pregas macho; Feminilidade 50’s – valorização da silhueta feminina, mini vestidos, peças que marcam a cintura, dando um ar romântico para a coleção.

As roupas apresentadas são lindas, e para não prolongar muito o texto, deixo para vocês o desfile com todas as peças desfiladas. (Deem uma olhada principalmente no 5:30min do vídeo ;} )


.

Para completar, olha com quem eu tive o privilégio de bater um papinho por lá:

Além de ser bonito, o Daniel é super simpático e gente boa. Gravei uma mini entrevistinha com ele, especialmente para vocês, leitoras do Got Sin?. No vídeo ele conta que tipo de roupa ele prefere ver em uma mulher e também o que gosta de usar. /babemos

Para finalizar a noite, teve desfile da Evidénce, com várias roupas e sapatos deslumbrantes! Um mix de looks de grifes nacionais e internacionais que evidenciaram o couro, animal print, mistura de tecidos, texturas e materiais. Para as festas, nada de pretinho básico, os vestidos (curtos e longos) vieram super trabalhados. Me apaixonei pela calça de couro, e quero pra ontem uma igual!

.

E aí, o que acharam dos desfiles e do beijo que o Daniel mandou para vocês? Suas sortudas! haha ;D