Rihanna foi de Papa no MET Gala

REACH OUT AND TOUCH FAITH

Estava muito ansiosa esperando pelos looks que desfilariam no MET Gala, basicamente por causa do tema: Heavenly Bodies – Fashion and the Catholic Imagination (Corpos Celestes: Moda e a Imaginação Católica). Eu amo um sacrilégio na moda, como o próprio nome do blog já diz, então esperava muita polêmica pela frente e minhas maiores apostas eram na Rihanna e Madonna.

Quem não decepcionou foi a Riri! Confesso que não estava tão preparada assim para esse tiro que foi o look da Rihanna, que se vestiu de nada menos do que o PAPA! Sim, com direito a mitra desenhada pelo Stephen Jones e tudo. Por trás do look, está a assinatura criativa do igualmente polêmico John Galliano, que comanda a grife Maison Margiela atualmente.

HABEMUS PAPAM

Um look que até faz sair fumaça branca do Vaticano desses, bicho!

Anúncios

RIP Dior =(

Só eu estou extremamente decepcionada com o que o Raf Simons transformou os antigos glamourosos desfiles da Dior? Achei tão mal feito, tão bleh, tão, tão… estudante de moda. =(

Talvez seja birra minha, já que sou fã da genialidade do John Galliano, mas faltou fantasia e loucura – no bom sentido – nessas roupas. Não acham?

#RIPDior =(

.

Cadê ryhkeza nos penteados? (Cabelo solto na mulher Dior?) Cadê maquiagem exagerada sem parecer moça que trabalha vendendo o corpo na estrada? Cadê glamour? Cadê tradição? Cadê coerência? CADÊ A DIOR?

.

Desculpa aí, gente! Não sou de fazer post de coisas que eu não gosto aqui no blog, mas desfile de Couture – pra mim – é que nem futebol ou novela pro resto dos mortais. Sou fã mesmo, principalmente dos da Dior, mas fiquei tão triste com essa mudança. Vejam os desfiles antigos aqui, aqui e aqui para perceber a diferença.

.