Megan Thee Stallion se vinga dos machos escrotos em Thot Shit

Se eu já era fã da Meghan The Stallion, depois de “Thot Shit” eu virei devota total! Além da música poderosa, o vídeo tem uma produção cinematográfica inspirada em alguns filmes que ela ama – tem uma cena do Freddy Krueger que é perfeita! O enredo é aquele que toda mulher livre gostaria de fazer com os homens que as ofendem comentando coisas depreciativas na internet, repudiando a sexualidade feminina enquanto, nos bastidores, se deleitam da imagem delas para a própria satisfação.

“Caras fracassados me odiando de dentro do armário”

“V*dia burra progressista, sua boca deveria ser lavada com água benta.”

No vídeo, Megan e as “hotties” perseguem um político conservador que publicamente repudia mulheres que assumem sua sexualidade. Onde ele vai, elas estarão lá esfregando suas belas rabas na cara dele, inclusive nos sonhos (aí entra a cena inspirada no Freddy Krueger). Elas o humilham e o deixam nu com sua verdade constrangedora, mostrando que a sexualidade delas não sai de sua boca (literalmente).

Eu me senti vingada através da Megan, mesmo que seja em poucos minutos de ficção.

Segundo ela, o novo single “celebra as mulheres assumidamente curtindo elas mesmas, fazendo o que querem, quando querem, independentemente do que os críticos tenham a dizer.”

Obrigada pela representatividade das Hot Girls, Tina Snow!

Hip Hop, street style e a valorização da Moda – Marc Jacobs

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-68

Nem preciso assistir todos os desfiles para eleger o meu favorito dessa temporada do NYFW, pois o Marc Jacobs chegou lacrando com tudo. Um belo tapa na cara da nossa sociedade hipócrita, que tinha transformado a moda em bagunça, transferindo-a para segundo plano nos principais eventos das semanas de moda do mundo inteiro.

Com uma simplicidade poética, Marc Jacobs deixou a moda falar por si em um dos desfiles mais minimalistas que ele já produziu. Sem distrações – não tinha música, nem cenário e até os celulares foram proibidos naquele momento – foi claramente uma tentativa de resgate ao que realmente era importante ali: as roupas e acessórios.

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-67

Apesar de parecer óbvio o objetivo de um desfile, a maioria dos seus frequentadores está ali por outras conveniências que não são a moda. Virou um evento social oco, onde parece ser mais importante sentar na primeira fila ou dizer que foi naquele evento como uma espécie de troféu fashionista (mesmo não tendo absorvido nada dele). Todos querem ser influentes, mas acabam influenciando apenas mais daquela cultura vazia que vemos aos montes nas colunas sociais de qualquer cidadezinha (e agora no Instagram). Os panos pendurados nas modelos e todo o trabalho daquele estilista acabam relegados.

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-60

Então depois desse VRÁ na cara de muitos, começou o show de verdade. A nova coleção foi inspirada no Hip Hop e a importância dele para o desenvolvimento do street style. Marc Jacobs diz que assistiu ao documentário Hip-Hop Evolution na Netflix, que mostra a evolução desse gênero musical dos anos 70 aos 90 e como essa cultura riquíssima foi transferida para o nosso cotidiano naturalmente:

“Como nasci e cresci em Nova York, foi durante a minha época na High School of Art and Design que eu comecei a ver e sentir a influência do hip-hop nas outras músicas e também na arte e estilo. Essa coleção é a minha representação do estilo causal esportivo. É um reconhecimento e um gesto do meu respeito pelo polimento e consideração aplicados à moda de uma geração que será para sempre o fundamento do estilo de rua da cultura juvenil.”

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-64

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-29

Observando os detalhes, percebemos que tudo foi pensado para ser usado nas ruas mesmo. Não há nada ali que não possa fazer parte do nosso guarda-roupa. Talvez apenas os chapéus exagerados se reconfigurem um pouco, mas gostei que eles tenham aparecido dessa maneira bem evidente, pois é um sinal de que o estilista apostou forte nessa tendência e a gente pode se divertir bastante com peças mais enxutas (sou suspeita para falar, pois eu amo chapéus!). Amei as cores nude, marrom e dourado praticamente dominando a paleta do desfile. Os colares gigantes (bling-bling ♥), os casacos com pelúcia (no caso do desfile, acredito que sejam peles de verdade, infelizmente) e os microcompimentos tocam o meu coração.

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-51

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-14

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-02

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-07

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-12

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-09

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-47 marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-08

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-18

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-16

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-57

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-11

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-15

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-13

marc-jacobs-street-style-estilo-de-rua-cultura-hip-hop-desfile-de-moda-outono-inverno-2017-blog-got-sin-56

Por mais desfiles ricos em cultura e menos futilidade! ❤