Se as Princesas Disney fossem Femme Fatales de filmes noir

O artista Ástor Alexander criou a versão mais legal das Princesas Disney até agora. Ele as imaginou como femme fatales nos filmes noir. 🖤

“Sou fã de personagens femininas poderosas e esse foi o principal objetivo desta série – transformar as personagens Disney em detetives e criminosas fodonas.” disse o artista

Compre os pôsteres AQUI

Anúncios

20 anos de carreira da Britney Spears

20 anos de carreira do ícone!

Passei 2/3 da minha vida idolatrando a Britney Spears e lembro até hoje de quando assisti o vídeo de Baby One More Time pela primeira vez com 10 anos de idade. Ela era um mix de várias coisas que eu amava na época: a Barbie, a Buffy (o uniforme vermelho e amarelo que aparece no clipe era igual ao usado em Sunnydale High) e a minha Spice Girl favorita, Mel C, porque ela dava chutes no ar. Sem contar que era uma exímia dançarina. Ou seja, para mim a fórmula perfeita.

Ouvir Britney Spears era o meu ato de rebeldia.

Como eu cresci em uma casa onde Metal era música de ninar, ouvir Britney Spears era o meu ato de rebeldia. Sempre gostei das mulheres fortes representando os meus sonhos, seja na música, livros, televisão ou filmes. Não eram muitas em carreira solo musical antes dela. Tínhamos a Madonna, Janet Jackson, Whitney, Mariah, Aaliyah, mas a mudança no pop só veio depois da Britney, que abriu o caminho para as adolescentes, trazendo à tona os nossos dilemas sem julgamentos. Até hoje os artistas novos continuam se inspirando nela.

A Britney, por mais que seja lembrada como um “produto fabricado” – argumento pífio de quem não entende nada do que passa no coração de uma adolescente – me representava completamente. Cresci com ela e a sua música me acompanhou durante todas as etapas da vida, do topo até a queda e da queda até o renascimento, como uma fênix. Ainda me vejo em muitos aspectos dela e sua música continua falando por mim. Ela é uma pessoa humilde, pé no chão, real, nunca fala mal de ninguém, sempre trata bem as pessoas ao redor e tenta superar seus próprios defeitos diariamente. Apesar de ter sido sempre criticada, nunca perdeu a doçura de sua alma e continua emanando seu brilho pelas multidões mundo afora (e são muitas, vale constar). Tenho muito orgulho de ser fã de uma pessoa e artista assim. Sou B-Army raiz!

Eu já devo ter escutado BOMT no mínimo 1 milhão de vezes durante estas 2 décadas e cada tã-nã-nãn do começo me arrepia como se fosse a primeira vez que estivesse escutando. Eu fazia as minhas amigas e familiares assistirem meus shows performáticos de dança e playback na sala de casa ou onde quer que tocasse Britney Spears. (Desculpa, migas! 😅) Vocês não devem ter ideia de quantas vezes dancei essa música, I’m a Slave 4u, Overprotected e Oops I Did It Again na vida! Spoiler: mais do que um humano normal! 🙈

Rihanna foi de Papa no MET Gala

REACH OUT AND TOUCH FAITH

Estava muito ansiosa esperando pelos looks que desfilariam no MET Gala, basicamente por causa do tema: Heavenly Bodies – Fashion and the Catholic Imagination (Corpos Celestes: Moda e a Imaginação Católica). Eu amo um sacrilégio na moda, como o próprio nome do blog já diz, então esperava muita polêmica pela frente e minhas maiores apostas eram na Rihanna e Madonna.

Quem não decepcionou foi a Riri! Confesso que não estava tão preparada assim para esse tiro que foi o look da Rihanna, que se vestiu de nada menos do que o PAPA! Sim, com direito a mitra desenhada pelo Stephen Jones e tudo. Por trás do look, está a assinatura criativa do igualmente polêmico John Galliano, que comanda a grife Maison Margiela atualmente.

HABEMUS PAPAM

Um look que até faz sair fumaça branca do Vaticano desses, bicho!

Adaptive – a linha de roupas para deficientes físicos da Tommy Hilfiger

A Tommy Hilfiger revelou esta semana sua nova linha de roupas Adaptive, que tem como objetivo tornar a hora de se vestir uma tarefa mais fácil para pessoas com deficiências.

Em 2016, a Tommy Hilfiger fez uma parceria com a Runway of Dreams, uma organização sem fins lucrativos focada em “promover a comunidade com capacidades diferentes na indústria da moda”, e juntos criaram sua primeira linha de roupas adaptáveis. Desde então, a empresa tem trabalhado arduamente em seus projetos para tornar sua roupa mais inclusiva possível.

A nova campanha publicitária mostra grandes nomes na comunidade de deficientes, como o medalhista de ouro paralímpico Jeremy Campbell, a dançarina Chelsie Hill, a blogueira e palestrante motivacional Mama Cax e o chef Jeremiah Josey.

Resultado de imagem para jeremiah josey tommy hilfiger

A linha de roupas apresenta soluções de design inclusivas, como botões magnéticos nas camisas e até nas barras das calças, facilitando o uso com próteses.

Há também fechos de velcro, que substituem zíperes e botões tradicionais.

A coleção inclui até golas fáceis de abrir, projetadas para fazer com que as roupas deslizem e saiam de uma maneira bem menos complicada.

De acordo com um comunicado de imprensa, a missão da linha adaptável Tommy Hilfiger é:

” ser inclusiva e capacitar pessoas de todas as habilidades para se expressarem através da moda”.

A coleção é linda e espero que em breve outras marcas sigam o exemplo, lançando suas próprias linhas de vestuário inclusivo. Principalmente as fasts fashions, né?

Resultado de imagem para jeremiah josey tommy hilfiger

Novo livro da Marina Barbieri – Amarela

Lembram que falei sobre um livro da Marina Barbieri por aqui? Assim que acabei de ler o “Fique com alguém que não tenha dúvidas“, já fiquei ansiosa pelo segundo livro e essa hora finalmente está cada vez mais próxima. Mas para isso acontecer ela precisa da nossa ajuda!

O próximo livro se chamará Amarela e é um compilado de poesias diretas, numa linguagem clara e acessível que aborda temas como amor, paixão, desilusão, rejeição, dor, feminilidade e resiliência. Algumas são belas, leves e acolhedoras, enquanto outras incomodam e machucam.

O livro contará também com as incríveis ilustrações de Lucas Werneck e com um prefácio de tirar o fôlego escrito por Rafael Gonçalves.

COMO AJUDAR?

O livro só acontecerá se a meta de R$ 30.000,00 for atingida no projeto de financiamento coletivo.

A campanha ficará ativa no site Kickante durante 60 dias recebendo o apoio de todos que acreditam no trabalho dela e querem ver esse livro virando realidade.

Para apoiar é muito fácil:

  1. Entre em: https://www.kickante.com.br/campanhas/novo-livro-marina-barbieri-amarela
  2. Escolha o valor da sua contribuição
  3. Selecione a forma de pagamento, boleto ou cartão de crédito (parcele em até 6x com parcela mínima de R$ 25).

Kickante é seguro e é um dos maiores sites de financiamento coletivo do mundo. Pode confiar!

 

 

 

Britney Spears estrela campanha da Kenzo

Conforme eu tinha anunciado, Britney Spears é a estrela da nova campanha da Kenzo!

A princesa do pop foi fotografada por Peter Lindbergh usando peças da coleção Memento nº2, com muito jeans e a estampa icônica de bambus e tigres da marca. Continue lendo “Britney Spears estrela campanha da Kenzo”

As mulheres fortes da Agatha Christie

Uma das coisas que eu amo nos livros da Agatha Christie é a presença de mulheres poderosas, algumas inclusive quebrando barreiras e estando bem à frente de seu tempo em questões sociais. Além da própria escritora ser uma excelente inspiração por si só – ela foi a romancista de maior vendagem de livros da história, atrás apenas da Bíblia e de Shakespeare -, dessa vez resolvi mostrar algumas de suas personagens femininas que se destacam e não são tão reconhecidas como o Poirot pelo público geral. Só de pensar que elas foram criadas entre 1920 e 1970 já podemos perceber o quão “fora da curva” eram. Mulheres aventureiras, destemidas, fortes, independentes, inspiradoras, quebrando padrões e abrindo caminho para o empoderamento de diversas outras na vida real até hoje.

____________________ Continue lendo “As mulheres fortes da Agatha Christie”

Barbie homenageia as mulheres poderosas da história!

Imaginar que você pode ser o que quiser é apenas o começo.
A diferença está em ver que as mulheres podem FAZER tudo o que quiserem.

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, a marca de bonecas Barbie quer fazer com que as crianças estejam cada vez mais habituadas e próximas das mulheres que revolucionaram a nossa sociedade. Mostrar que há mulheres cientistas, escritoras, musicistas, artistas e atletas. Continue lendo “Barbie homenageia as mulheres poderosas da história!”