Most Girls…

Algumas garotas se sentem melhor em seus vestidos curtos
Algumas garotas usam apenas calça de moletom, parecendo princesas
Algumas garotas beijam novas bocas todas as noites
Elas ficam até tarde porque estão comemorando a vida

Em alguns dias você se sente tão bem em sua própria pele
Mas está tudo bem se quiser mudar o corpo que veio com você
Porque você fica melhor ainda quando se sente uma rainha
Todas estamos jogando de uma maneira tentando ganhar a vida

A maioria das garotas são inteligentes, fortes e lindas
A maioria das garotas trabalha duro, vão longe. Somos imparáveis!
A maioria das garotas na nossa luta para vencer todos os dias
Nunca são iguais

Eu quero ser
Quero ser como a maioria das garotas
Eu quero ser

Algumas garotas preferem guardar seu corpo
Algumas garotas usam jeans super justos porque parece tão certo
Algumas garotas, procuram todos os dias, mantendo as engrenagens girando
Dormindo tarde porque estão comemorando a vida

Em alguns dias você sente tão bem em sua própria pele
Mas está tudo bem se quiser mudar o corpo que veio com você
Porque você fica melhor quando se sente uma rainha
Todas estamos jogando de uma maneira tentando ganhar a vida

Eu quero ser
Quero ser como a maioria das garotas
Eu quero ser

ASSISTA O VÍDEO NOVO DA HAILEE STEINFELD: AQUI

Anúncios

Vídeo novo da Britney Spears – Slumber Party

britney-spears-and-tinashe-slumber-party-blog-got-sin

Finalmente a Britney Spears trouxe um vídeo bem digno ao seu estilo para o público novamente. Ela lançou hoje o clipe de Slumber Party, o seu novo single, com a participação especial da Tinashe – que virou mera figurante, vale dizer.

O clipe me lembrou muito os antigos dela, como Boys e My Prerogative, trazendo uma boa nostalgia para os fãs. Nas cenas podemos ver a Britney chegando em uma mansão para participar de uma “festinha do pijama” um tanto quanto apimentada. Adorei mais ainda por saber que foi inspirado no filme do Stanley Kubrick, De Olhos Bem Fechados! O diretor escolhido foi o Colin Tilley, famoso por dezenas de vídeos pop por aí – Anaconda, da Nicki Minaj e M.I.L.F., da Fergie.

britney-spears-slumber-party-blog-got-sin-15

A minha cena favorita é a dela engatinhando sobre uma mesa e bebendo leite derramado – adoro imagens com mensagem subliminar que vão muito além do que aparentam e te fazem pensar -, mas também gostei de quando ela entra na festa, onde há uma troca de takes que mostra o contraste entre o fogo e bolhas de sabão. 🔥💦

britney-spears-slumber-party-blog-got-sin-03

A Britney está linda, confiante, pareceu se divertir bastante durante as gravações e isso me deixa muito feliz. Os looks então… Nem sei qual escolher, já que todos estão fantásticos! Quero mais vídeos assim para o Glory, um dos melhores álbuns já lançados. Mas me incomodou um pouco a Tinashe servindo de eye candy e sex toy, pois parece que ela está ali forçadamente para que a gravadora a promova nas custas da Britney, já que sua participação é bem desnecessária – e olha que eu curto a carreira solo dela. Também teve a presença do ator Sam Asghari, que fez o papel de “dono da festa”, tirando um pouco o poder da Britney, né? Ele é gatinho, mas quem é a dona da p* toda é ela! Desculpa aí.

Continuarei sonhando com ao menos o clipe de Change Your Mind (No Seas Cortés), já que Better – minha favorita – não tem grandes chances de ser incluída na filmografia da Britney. Apesar de os boatos afirmarem que o próximo single será Liar. Em todos os casos, já estamos com o nosso colete à prova de balas esperando pelos próximos tiros que virão! ❤

Vídeo novo da Britney Spears – Make Me

Britney Spears Make Me Video blog got sin

Depois de muito tempo esperando, finalmente a Britney Spears lançou o vídeo da música Make Me. O clipe está sendo bem polêmico para os fãs, já que todos esperavam uma versão bem mais sensual, como mostrava algumas cenas que vazaram. Até o diretor não foi mais o mesmo, mudou do David LaChapelle para a Rendee st.Nicholas! Que diferença e que choque.

Essa versão não é tão ruim, tá bem girl power, politicamente correto, algo bem condizente com a personalidade da Britney (mãe de 2 filhos, não a cantora). Porém, eu esperava muito mais – coreografia, conceito, algo bem sexy. Tô tão confusa agora, nem sei direito o que pensar. Se eu gostei dessa versão feminina de As Long As You Love Me (dos Backstreet Boys)? Sim, até curti, mas não para um carro chefe de uma nova era. Apesar de o começo dele ser bem cringeworthy e tirando o fato de que parece muito mais um comercial do que um clipe musical, ficou bem feminino e fofinho, com imagens lindas, a Britney tá maravilhosa – AMEI o figurino com chapéu e blusa de estrelinhas ♥ – MAS… não tem nada a ver com a Britney Spears (cantora lendária e ícone do pop).

Havia boatos de que ela tinha achado o outro vídeo muito promíscuo, se sentiu como um objeto e por isso refilmou tudo de última hora. Eu não acreditava que isso fosse possível, afinal, LaChapelle é um ícone também. Não seria plausível gastar milhões na produção de um clipe para depois fazer outro às pressas. Mas no mundo da Britney tudo é possível! Já aconteceu isso com Gimme More, Work Bitch, Perfume… Então, como fã, estou acostumada com isso. Ela ou (a gravadora dela) sempre se arrepende das coisas muito sexy e polêmicas depois de gravadas. Para o vídeo de hoje, acredito que ela tenha se sentido muito objetificada, visto essas cenas BEEEEEM promíscuas que vazaram do clipe anterior:

Inclusive o conceito anterior combina com a pegadinha que a Britney e os dançarinos fizeram com o Jimmy Kimmel essa semana:

Não acho que faz sentido lançar essa versão soft depois de todas aquelas outras cenas já terem sido vistas pelo público, pois o “estrago” para a imagem da Britney já estaria feito. Então fico decepcionada e triste por começarmos uma nova era com o pé esquerdo, já causando tanta discórdia na fanbase.

O que mais me incomoda nessa versão é as conversas no meio do vídeoninguém vai colocar no repeat, assim como aconteceu com Pretty Girls, o foco foi bem mais nas dançarinas e modelos do que na Britney, a falta de coerência das cenas “quero ser sexy, depois não quero mais ser sexy” – é uma audiência para encontrar um ator de soft porn?, e, por último,  o desperdício de uma música tão maravilhosa quanto essa!

Alguns fãs acreditam que essa é apenas a versão feminina do vídeo, como se fosse uma parte 1. Mas, conhecendo o passado dos lançamentos decepcionantes da carreira dela, não consigo ter esperança para isso. Acredito que ela e o David LaChapelle se desintenderam – ele é super estrelinha e grosso, vale mencionar -, por isso abandonaram o primeiro conceito.

Eu estava preparada para um vídeo icônico em que houvesse várias mudanças de cena, com ela dançando e aparecendo de diversas maneiras. Ia ser tãoooo mais legal! Então, essa versão para meninas de 13 anos foi como um tapa de luva. Na minha opinião, ganharia 3 estrelas de 5, pq não é de todo ruim, mas não é para isso que sou fã da Britney. Deixa essas melosidades infantiloides para a Taylor Swift!

R.I.P. Britney empoderante para as mulheres sexy!
R.I.P. Britney que tinha os melhores clipes do mundo pop.
Vamos ter mais “girl power” água com açúcar e velaZZZ de baunilha.
ZZZZZZZZ

Nova música da Britney Spears – Make Me…

britney spears single cover capa make me ohh música nova lançamento blog got sin
JESUSney VOLTOU!

FINALMENTE SAIU A MÚSICA NOVA DA BRITNEY! AHHHH!

Sem exageros, quase morri de ansiedade a semana inteira, mas hoje foi o recorde. O nervosismo é explicado, todos os fãs estão desesperadamente esperando a Britney Spears retornar, ainda mais que esse single/cd novo/clipe novo é muito importante para a carreira dela por motivos de: TEMOS A BRITNEY BITCH NOVAMENTE!

A música é deliciosa de ouvir, dá vontade de deixar a vida o dia inteiro no repeat! É uma mistura da Britney clássica, que todo mundo ama, com uma pitada de modernidade, sem apelar. Um pop melódico e relaxante, mas ao mesmo tempo dá vontade de sair dançando sem parar – algo que só a Brit consegue magicamente fazer acontecer. Fazia muito tempo que eu não escutava algo TÃO bom e com qualidade, bem digna de realeza do pop mesmo. A última vez que eu vi uma produção tão boa dela foi no álbum Circus (6º álbum), já que não curti o Femme Fatale e nem o Britney Jean (7º e 8º álbuns, respectivamente). Fez jus ao monte de música sexy que foi desperdiçada na carreira dela. A parte do rap com o G-Eazy (eu já era viciada nas músicas dele desde I Mean It) tb deu uma pitada extra de tempero para a canção.

O diretor do vídeo será ninguém menos do que David LaChapelle, o responsável por umas das minhas fotos favoritas de toda a carreira dela, além do clipe de Everytime. Então não espero nada menos do que esse grande artista que adora uma polêmica. ♥ O único problema é que ainda não sabemos quando será lançado – Hoje? Amanhã? Esse mês? Em Agosto? -, assim que eu tiver mais informações compartilho aqui com vocês.

Já dá para afirmar que acabou o pop básico!
Vamos voltar a ter MUITO tempero na música e vídeos.

QUE TIRO!

Compre a música no iTunes.

As 10 melhores músicas do David Bowie

as 10 melhores musicas do david bowie camaleao do rock blog got sin

.
Com a notícia mais chocante dos últimos tempos, escrevo esse post com muita tristeza no coração… David Bowie morreu. Deixou o mundo em um grande ato, como era de seu costume. Lançou o último álbum Blackstar no seu aniversário, 8 de janeiro, e um dia antes o clipe de Lazarus onde já estava prevendo a morte, tentando anunciar aos fãs de forma silenciosa e artística que poderia partir em breve.

Um gênio, um louco, um revolucionário. O mundo não seria o mesmo sem a presença desse artista transgressor fenomenal. Cresci escutando ele, principalmente a trilha sonora do Labirinto – que é o meu filme favorito. Já mencionei por aqui antes que o David Bowie também foi o meu primeiro crush por causa do personagem Jareth, o Rei dos Duendes. Espero que ele descanse em paz e que suas canções ecoem pela eternidade. Deixo aqui uma pequena homenagem com as minhas 10 músicas favoritas do David Bowie.

1 – As The World Falls Down
but i’ll be there for you-uh-uh. as the world falls down. falling. falling in love.

Não sou uma pessoa romântica, mas essa música embalará a primeira dança do meu casamento. Ainda não escolhi o noivo, nem tô pretendendo casar tão cedo, mas é essa e ponto. Decidi ainda criança. ♥

.

2 – Underground
it’s only forever. not long at all.

Mais uma da trilha sonora do Labirinto. Dá vontade de sair correndo na chuva sempre que escuto.

.

3 – Within You
you starve and near exhaust me. i move the stars for no one. you’ve run so long. you’ve run so far.

Essa música me ensinou a ter prazer em controlar os homens canalhas como bonequinhos e sempre tê-los na palma da mão. HAHAHAHA #maldades

.

4 – Magic Dance
what kind of magic spell do you? dance, magic dance!

Uma das minha paixões é a dança e essa música tem uma grande parcela de culpa. Impossível escutar sem levantar e dançar! (P.S.: Sempre ficava na frente do espelho invocando o Jareth para levar meu irmãozinho, mas infelizmente nunca funcionou! hahahaha)

.

5 – The Man Who Sold The World
oh no, not me. i never lost control.

A maioria conhece essa música por causa do cover do Nirvana (que agora está na moda dizer que é fã), mas gosto dessa música por achá-la sexy.

.

6 – Changes
turn and face the stranger. ch-ch-changes.

Acredito que todas as mudanças são positivas, por mais que pareçam negativas no início.

.

7 – Starman
there’s a starman waiting in the sky. he’d like to come and meet us. but he thinks he’d blow our minds.

David Bowie era obcecado pelo céu tanto quanto eu.

.

8 – Space Odity
now it’s time to leave the capsule if you dare.

Aqueles que ousam sair do convencional conseguem ver a vida de uma forma diferente e nunca mais voltam ao “normal”. A mais pura verdade.

.

9 – Sex & The Church
give me you’re freedom of spirit and the joy’s of the flesh of sex sex sex and the church.

É óbvio que eu amaria algo que envolve esse tipo de polêmica! Bowie tinha compulsão pelo desrespeito aos códigos morais, assim como eu. ♥

.

10 – The Next Day
now demanding fun begin of his women dressed as men for the pleasure of that priest.

Esse é o melhor vídeo do David Bowie! Tem a participação da Marion Cotillard, como uma prostituta com estigmas de cristo, e do Gary Oldman, como um padre pervertido. Tem tanta mensagem subliminar nessa igreja/prostíbulo que não sei nem quando começar a bater palmas! Gênio criativo puro.

BÔNUS: Lazarus

look up here, i’m in heaven
i’ve got scars that can’t be seen
i’ve got drama, can’t be stolen
everybody knows me now

look up here, man, i’m in danger
i’ve got nothing left to lose
i’m so high it makes my brain whirl
dropped my cell phone down below
ain’t that just like me?

by the time i got to New York
i was living like a king
then i used up all my money
i was looking for your ass
this way or no way
you know, I’ll be free
just like that bluebird
now ain’t that just like me?
oh I’ll be free
just like that bluebird
oh I’ll be free
ain’t that just like me?

R.I.P. :(

 

Novo clipe da Selena Gomez – Hands to Myself

selena gomez hands to myself blog got sin 03

Finalmente a Selena Gomez conseguiu ser sexy! Gente, esse clipe de Hands to Myself está incrível.

Ela é uma stalker de um astro de cinema – interpretado pelo DEUS GREGO, oops, modelo Christopher Mason – que invade a casa dele e fica imaginando como seria viver ao seu lado. Achei criativo e muito HOT! Quem iria aguentar manter as mãos só para si quando tem um homem lindo desses na cidade/país/mundo?? Seleninha esperta! ;)

Demi Lovato – Qual o problema em ser confiante?

Saiu o novo clipe da Demi Lovato para a música Confident. Ouvindo a letra e observando o estilo “femme fatale” que a cantora vem apresentando nessa nova fase, jurei que seria um vídeo sexy sobre o empoderamento do corpo dela, mas me surpreendi positivamente com o tema e principalmente por terem fugido do clichê (sem deixar de ser sexy, é claro).

demi-lovato-robert-rodriguez-michelle-rodriguez-confident-video-blog-got-sin

O clipe foi dirigido por Robert Rodriguez ♥ e trouxe a Demi mostrando como funciona o mundo da música de uma maneira subliminar e cheia de ação, parece até um filme. Teve até participação da atriz Michelle Rodriguez. Assiste aí e depois continua lendo para não ter spoilers:

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR

(O Vevo não liberou o vídeo para o Brasil ainda, assim que liberar eu atualizo aqui.)

Muitas pessoas estão comparando esse vídeo com Bad Blood – que é uma cópia péssima, pioradíssima e sem tempero de Toxic da Britney -, mas na verdade o sentido é totalmente o oposto. Enquanto o vídeo da Taylor mostra mulheres brigando umas com as outras por causa de traição/vingança, Confident serve como empoderamento das mulheres na indústria da música, que sempre são colocadas como rivais para duelarem umas contra as outras, enquanto os grandes empresários do meio assistem tudo isso rindo e lucrando nas costas delas. Ou seja, um incentiva as mulheres a se verem como inimigas e o outro mostra que as mulheres devem se unir, já que o inimigo delas é apenas o machismo.

Já falei anteriormente e repito: virei fã da Demi! ♥

Ela não precisa se vender usando rótulos, vai lá, faz e dá o exemplo. É assim que tem que ser, cada vez mais confiante e poderosa.