Melhores Looks de 2017

Melhores Looks de 2017

Aqui estão os meus looks que mais fizeram sucesso esse ano!

Continue lendo “Melhores Looks de 2017”

Anúncios

Meu look: Outono – camisa listrada e jeans

Look descontraído para usar no outono e sair bem confortável no friozinho quando ainda tem aquele sol gostoso durante a tarde. Gosto de tons terrosos, principalmente agora que estou morena novamente, pois são básicos e fáceis de combinar – o contraste com o jeans não fica maravilhoso?. A camisa de seda listrada me lembra muito a Mary Poppins – não sei exatamente o motivo – principalmente com o laço na frente. Acho que deixou o look um pouco mais chiquetoso sem tirar a informalidade. Já a jaqueta perfecto de camurça é o estilo de peça que mais amo e gosto de investir, descobri que sou viciada em casacos e preciso de rehab para superar isso, mas como moro no sul, fica impossível fugir do melhor aliado que temos durante o ano praticamente inteiro. Bem como as botas. Essas de salto grosso são ótimas para usar toda hora e ainda nos protegem melhor da chuva. Ninguém merece meias ou barras de calça molhadas, né?

Ah, e o cabelo preso com coque bagunçadinho também ajuda a manter a casualidade do look. Dessa maneira também não “briga” visualmente com todos os detalhes do pescoço. O batom é o Dolce K da Kylie Cosmetics – é a única marca que consigo usar agora que descobri que sou celíaca, pois não contém glúten na composição (algo MUITO raro na área de cosméticos e maquiagens, infelizmente). Em breve farei um post sobre esse assunto.

Jaqueta: Cativa | Camisa: Renner | Jeans: River Island | Bota: Asos

COMPRE SIMILARES:

Inspiração looks Coachella

looks Coachella festival inspiração REVOLVE-Festival-2016-Clothing-Lookbook blog got sin 01
macaquinho – aqui | cinto – aqui

O festival Coachella está chegando e lá nos EUA não se fala em outra coisa. Virou modinha, principalmente seguir um determinado dress code, que consiste basicamente no estilo boho, meio alternativo, misturando o “hippie” e o “chique“. Não curto essa coisa de caracterização especial para certos eventos, principalmente quando há um padrão a seguir, mas já fui adolescente e sei o quanto foi legal brincar com isso – cansei de ir em raves e Planeta Atlântida, por exemplo.

Gosto também quando os looks não são “fantasia” demais, prefiro que pareçam naturais com a minha personalidade, sendo possível usar as determinadas peças de roupa em outras ocasiões. Por isso curti a coleção da Revolve Clothing, que tá TÃO linda e repleta do que eu mais gosto de usar: top cropped, chapéushorts jeans de cintura alta, botinhasvestidos decotadíssimos.

AMO blusa cropped com manga boca de sino, acho super Britney Spears. ♥

looks Coachella festival inspiração REVOLVE-Festival-2016-Clothing-Lookbook blog got sin 02
top manga sino – aqui | shorts – aqui | óculos – aqui
top manga sino – aqui | shorts – aqui | óculos – aqui | bota – aqui
looks Coachella festival inspiração REVOLVE-Festival-2016-Clothing-Lookbook blog got sin 05
vestido – aqui | chapéu – aqui | bota – aqui

looks Coachella festival inspiração REVOLVE-Festival-2016-Clothing-Lookbook blog got sin 09

festival030816_MOBILE_9
chapéu – aqui | maiô suede – aqui | jaqueta – aqui | bota – aqui
looks Coachella festival inspiração REVOLVE-Festival-2016-Clothing-Lookbook blog got sin 06
macaquinho – aqui
macaquinho poá – aqui | cinto – aqui

Roupas para trabalho – Inspiração 70’s

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot01

Vocês já enjoaram dessa moda inspirada nos anos 70? Só vejo isso ultimamente, seja em revistas, coleções ou lojas. Confesso que até gosto bastante dessa década, mas já estou achando que virou monotemático e a moda deveria ser um pouquinho mais livre. Apesar disso, tem alguns editoriais e looks que continuam me encantando, independente de ser modinha ou não. Como é o caso dessas fotos que a Karlie Kloss fez para divulgar a coleção “Wear to Work” da marca Express.

Gosto desse lado mais minimalista da época. Acredito que seja o ideal para usar como inspiração na hora de escolher roupas para usar no trabalho, já que é mais elegante e formal. É claro que depende muito do ambiente que você trabalha também – por exemplo, aqui no Brasil só blogueira parece poder usar chapéu (um absurdo, né?)- mas em geral, achei a coleção bem completinha, podendo agradar mulheres de vários estilos.

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot02

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot06

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot03

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot04

Karlie-Kloss-Expres-Wear-to-Work-Photoshoot05

As exploradoras do início do século XX da Balmain

balmain desfile primavera verão 2016 safari blog moda tendencia got sin

Certeza que vocês já devem ter enjoado de ler sobre a Balmain por aqui. Eu até tento focar em outras marcas, outros desfiles, mas as criações do Olivier Rousteing sempre me contagiam. Fico encantada com tudo.

Dessa vez não foi diferente. Ele se inspirou nos grandes exploradores do início do século XX, não apenas nos aspectos estéticos, mas também na mentalidade moderna por trás da busca de novas descobertas e aventuras. Eles não buscavam glórias e conquistas, queriam conhecimento e novas experiências. Durante suas jornadas épicas, esses homens acabavam absorvendo aspectos culturais de todos os lugares que passavam e acabavam adaptando isso aos seus guarda-roupas. Camurça, algodão e couro refletem os tons neutros do deserto. Junto disso, foi adicionado o estilo moderno da geração atual com os trançados de crochê, mas de uma forma étnica. Resumindo, é uma coleção poética!

Tem também a versão masculina do desfile, que comentarei em outro post. Por hora, deixo vocês com os meus favoritos do desfile feminino de primavera/verão 2016.

balmain-desfile-primavera-verão-2016-safari-blog-moda-tendencia-got-sin-favoritos-sininhu-sylvia-santini

Minivestido com manga longa = ♥
Amarrações cruzadas com cara rústica ou sadô = ♥ tb
Tons terrosos = ♥

A Balmain arrasou novamente!

 

i ❤ shoes: ankle boot Alaïa de amarrar

Sei que em muitas regiões do Brasil o inverno já deve estar com os dias contados, mas aqui no Pólo Norte na minha cidade o frio aumentou drásticamente essa semana. Hoje tem previsões de neve aqui para Caxias do Sul! Por isso escolhi um sapato tão invernal, fui influenciada pelo tempo, admito.

O triste é que a primavera está quase aí, e eu ainda não consegui encontrar uma lace-up boot perfeita para chamar de minha esse ano. Se eu tivesse $1700 (!) sobrando, juro que eu compraria essa botinha Alaïa sem pensar duas vezes, pq eu curti ela de verdade.

Adorei a cor cinza dela, as solas tratoradas, e o salto mais grossinho de 15cm (♥) – tudo com um toque militar bem sutil. Ótima para enfrentar dias frios, e impossível olhar para ela e não imaginar todo um cenário branquinho de neve ao redor. *-*
Achei que ela tem um quê de Frankenstein também, mas como eu sou apaixonada por excentricidades – principalmente quando o assunto é sapato -, desta vez não seria diferente.

.

Quem souber da existência de uma irmã gêmea inspired dessa bota, me avisa por favor?!