Galeria de arte francesa homenageará a Britney Spears

Todo mundo sabe que a Britney Spears é uma verdadeira obra-prima celestial por si só – princesa do pop, artista multifacetada, dona de inúmeros recordes musicais, inventora das cantoras teen solo, rainha da humildade, Barbie humana e ainda possui um coração gigantesco (para mim ela é Godney). Então nada mais justo do que receber uma exibição dedicada a ela em uma galeria de arte na França!

A Galerie Sympa, especializada em arte contemporânea, será palco do que os críticos de arte já estão chamando de ‘a coleção mais importante de obras desde os “Girassóis” de Van Gogh‘. Não sabemos se a obra que ela criou e doou para um leilão de caridade em 2017 estará presente e nem se alguma outra arte criada por ela também será apresentada, mas o fato é que ela é o foco principal da exibição.

“Estamos empolgados em anunciar que abriremos o primeiro show solo da Britney Spears em uma galeria de arte contemporânea”, escreveu a galeria no Instagram

A exibição leva o título de “Às vezes você só precisa brincar“, exatamente como a legenda que a Britney usou em seu post de Instagram de quando mostrou os bastidores da criação de sua obra. Também levou o subtítulo de “Até que o mundo chegue ao fim“, por conta da música de sua música “Till the World Ends”.

Quadro feito pela Britney foi vendido por $10.000 e o valor arrecadado foi destinado às vítimas do tiroteio do festival musical Root 91 Harvest em 2017. Na época, ela disse:

“As flores na minha pintura representam novos começos e é neste espírito que conseguiremos seguir em frente.”

O site da galeria não conta muitos detalhes, mas no Instagram deles foi publicado que o responsável pelo show será o artista Cédric Fargues:

“Através de suas montagens de imagens digitais, Cédric Fargues expõe a validade universal e o poder da música pop para modificar radicalmente os paradigmas atuais da realidade social. Ele descreve a significante poética mais relevantes da cultura ocidental contemporânea quando mapeia Mariah Carey e Britney Spears em paisagens coloridas e cheias de sonhos, nas quais os fenômenos naturais se tornam uma representação fictícia da estética cotidiana doméstica. Neste amplo exercício de estranheza, ele disseca as narrativas fundamentais da arte contemporânea ocidental em sua relação com Madonna e as Spice Girls. (…) Em certo sentido, o caráter indescritível de sua crítica dura sobre a feminilidade moderna e a homossexualidade neutraliza a tensão inerente à obra entre forma e conteúdo, transformando-a em um ensaio visual sobre o estado mental contemporâneo.”

A exibição acontecerá no dia 18 de Janeiro e seria incrível se a Britney aparecesse por lá e mostrasse para o mundo um pouquinho mais de seus trabalhos artísticos sobre telas. Como bem disse a revista Dazed: perante os tempos turbulentos que passamos, esse é o programa que o mundo precisa.

MENOS GUERRA
MAIS BRITNEY SPEARS

O polêmico vídeo da Miley Cyrus – Mother’s Daughter

Oh my God, she got the power!

Se eu já tinha amado a música Mother’s Daughter, agora com o vídeo estou ainda mais apaixonada e será difícil tirar do replay. Sentia muita falta do pop que faz críticas sociais de empoderamento feminino como as cantoras de antigamente costumavam fazer, por isso me encantei tanto com o clipe, que lembra uma mistura de Madonna (em Human Nature) com Britney Spears (em Oops!… I did It Again) sem deixar de ser Miley Cyruspolêmicas são como refresco!

Apesar da simplicidade minimalista visual, a mensagem que carrega é tão densa que pode ser pesada para muitos espectadores. Ela vem esfregar na cara o poder da mulher e ri ironicamente dos estereótipos que a sociedade incute ao tentar nos aprisionar. O vermelho representando o pecado e a fúria, um objeto sexual que pensa, uma armadilha para os homens, uma femme fatale, alguém que luta pelos direitos de liberdade e celebra o sagrado feminino. Se eu fosse fazer um clipe, com certeza iria querer algo semelhante.

so don’t fuck with my freedom
i came back to get me some
i’m nasty, i’m evil
must be something in the water or that i’m my mother’s daughter

GOT SIN?

A Miley Cyrus está de parabéns!

p.s.: agora já sei o que usar no halloween!